Perda de audição em músicos: como tratar?

02/01/2021

A perda auditiva é um problema que atinge grande parte da população mundial e pode atingir pessoas de todas as idades. A OMS (Organização Mundial da Saúde) estima que mais de 7% da população brasileira – mais de 15 milhões de pessoas – sofra de algum grau de deficiência auditiva.

A perda de audição em músicos é consideravelmente mais comum do que entre a população geral. Músicos com vários anos de experiência são os principais afetados: estudos realizados com músicos de orquestras indicam que até metade dos profissionais relata algum tipo de distúrbio sonoro: de zumbido no ouvido a perda auditiva severa.

Existem muitas causas diferentes para a perda auditiva. Perfurações no tímpano, infecções no ouvido (como a otite), efeitos colaterais de medicamentos, exposição a barulho intenso e idade avançada são algumas das causas possíveis. É muito importante procurar um médico a qualquer indício de perda de audição ou de qualquer outro sintoma de doenças do ouvido.

Música alta pode causar perda auditiva?

perda-de-audição-em-músicos

A exposição a quaisquer ruídos de forte intensidade pode causar perda de audição. Música alta, com ou sem fones de ouvido, é com certeza um dos principais fatores de perda auditiva por ruídos.

Sons acima de 85 dB podem causar danos à audição em períodos prolongados de exposição (cerca de 8 horas ou mais). Cada 5 dB acima disso diminui o tempo seguro de exposição pela metade. Pessoas mais sensíveis podem sofrer perda auditiva com sons de menor intensidade ou com menor tempo de exposição.

Uma pessoa que assiste um show próximo às caixas de som ou a um músico que toca seu instrumento no palco, por exemplo, pode estar submetida a um ambiente cuja intensidade sonora pode ultrapassar os 110 dB e, assim, causar danos em pouquíssimo tempo: nessa situação, poucos minutos de exposição já pode causar danos permanentes à audição.

Como os músicos podem se prevenir de perder a audição?

perda-de-audição-em-músicos

Existem algumas medidas para prevenir a perda de audição em músicos. O uso de protetores auriculares é recomendado sempre que possível para todos os profissionais. 

Limitar o volume é muito importante. O tratamento acústico dos locais de ensaio pode tornar possível a diminuição do volume dos amplificadores por não haver a necessidade de competir com ruídos externos. Nos shows, os monitores de chão podem ser substituídos por monitores in-ear, especialmente moldados para os ouvidos de cada músico, que podem ter o seu volume controlado e apresentam bom isolamento acústico.

Se afastar das fontes sonoras, como das caixas de som, pode também ser uma medida de prevenção. Se colocar a uma distância considerável das caixas de som resulta em um nível de pressão sonora aos ouvidos inferior ao de alguém que está muito próximo delas.

Exposição à música alta pode causar zumbido no ouvido?

perda-de-audição-em-músicos

Sim. O zumbido não categoriza uma doença em si, mas sim um sintoma. Sua principal causa é a perda de audição, então o aparecimento do zumbido pode ser um indicativo de uma perda auditiva de qualquer grau, mesmo que esta ainda não tenha sido percebida pelo paciente.

O zumbido pode aparecer após a exposição a ruídos muito altos, como os que podem ser encontrados em proximidade a caixas de som em um show, festa noturna ou outros eventos, ainda que não haja perda de audição.

O zumbido no ouvido pode ser temporário ou permanente e pode não ter cura. Existem diversos tratamentos para amenizar o sintoma nos casos crônicos, que podem levar até a não percepção em uma parte dos pacientes.

É possível ser músico e não ter perda de audição?

perda-de-audição-em-músicos

Sim, existe sim a possibilidade de ser músico e não ter perda de audição, mas para isso é necessário o uso de medidas de prevenção e acompanhamento médico. Quando acontecem, os danos auditivos e o zumbido no ouvido causados pela exposição prolongada a ruídos, mesmo sem ter cura, podem ser tratados.

Quando falamos de acompanhamento com médico otorrinolaringologista, falamos da realização de exames para que a audição seja monitorada. O exame de audiometria nos dá essa informação, ele é muito importante, pois pode identificar distúrbios auditivos em qualquer grau e possibilita o tratamento das doenças antes que essas se agravem. É fundamental que todas as pessoas façam o exame pelo menos uma vez na vida e é muito importante que músicos o realizem periodicamente para que haja o cuidado de não se perder seu principal instrumento: a audição.

O ISBO, Instituto Sandra Bastos de Otorrinolaringologia, é especialista em atendimento médico para pacientes com perda de audição, zumbido, tontura e sensibilidade sonora e em exames como a audiometria, dentre outros. A Dra. Sandra Bastos é diretora técnica do ISBO e otorrinolaringologista atuante, com grande experiência na área e especialização no Brasil e Inglaterra.

Acesse o site, conheça nossos serviços e agende sua consulta. Para sua comodidade, também possibilitamos o agendamento de consultas pelo WhatsApp: (11) 95801-6560.

Oferecemos também o serviço de telemedicina: consultas médicas via chamadas de vídeo pelo Skype ou Whatsapp com a mesma qualidade dos atendimentos presenciais no conforto da sua casa. Evite aglomerações.

Ficou com alguma dúvida sobre perda de audição em músicos, como prevenir? Entre em contato conosco, nós podemos te ajudar. Agende sua consulta ou solicite mais informações clicando aqui. Acesse nosso blog para mais novidades e confira nossa página no Facebook e Instagram. Aguardamos sua visita, até breve. 

Posts Relacionados

Labirintite pode causar zumbido?

Labirintite pode causar zumbido?

Bastante conhecido por cerca de 15% da população mundial, o zumbido no ouvido, ou tinnitus (em inglês), é um sintoma em que o paciente percebe um som interno incômodo em um ou nos dois ouvidos, tendo duração e volumes diferentes. Além disso, pode ser temporário ou...

ler mais
Diabetes e audição têm relação?

Diabetes e audição têm relação?

Antes de falarmos sobre diabetes e zumbido no ouvido e sua associação, vamos entender primeiramente sobre cada um deles separadamente. Vem com a gente! O que é o zumbido no ouvido? Termo médico para ruído no ouvido, o zumbido no ouvido é um sintoma em que o paciente...

ler mais
Por que eu ouço zumbidos?

Por que eu ouço zumbidos?

O zumbido no ouvido é aquele ruído dentro dos ouvidos que pode ser incômodo, muitas vezes escutado em lugares mais silenciosos, que pode ser temporário ou crônico. “Por que eu ouço zumbidos?” é uma pergunta muito comum e hoje vamos te ajudar a entender. Vem com a...

ler mais
Trauma acústico: O que é e como tratar?

Trauma acústico: O que é e como tratar?

O que é trauma acústico? São muitos os ruídos aos quais estamos expostos diariamente, em especial no dia a dia urbano, e muitos deles nos causam danos sem que a gente nem perceba. O trauma acústico é provocado por sons altos, que pontualmente ou ao longo do tempo...

ler mais
Zumbido no ouvido na gravidez: qual é a causa?

Zumbido no ouvido na gravidez: qual é a causa?

Presente em cerca de 15% da população mundial, o zumbido no ouvido é um ruído muito conhecido que pode ser persistente ou pontual, mas incomoda em alguma intensidade e periodicidade aproximadamente 1 bilhão de pessoas ao redor do globo.  Segundo pesquisas, uma em...

ler mais
Audiometria Infantil para Escolas

Audiometria Infantil para Escolas

Audiometria é um dos exames para se avaliar o quanto uma pessoa escuta e se há algum problema auditivo. A audiometria infantil pode identificar alterações auditivas que possam prejudicar o desempenho e o desenvolvimento da criança. Pode ser realizado em crianças muito...

ler mais
Existe remédio para zumbido no ouvido?

Existe remédio para zumbido no ouvido?

O zumbido é um ruído percebido pelo ouvido que não está no meio externo, ou seja, é um som percebido apenas pela pessoa portadora desse problema. Ele pode acontecer em uma ou ambas as orelhas ou mesmo na cabeça e pode surgir de maneira gradual ou repentina. Interfere...

ler mais
Zumbido no ouvido pode ser perigoso?

Zumbido no ouvido pode ser perigoso?

O zumbido é um som que é percebido como vindo de dentro do ouvido ou da cabeça e na maioria das vezes é percebido somente por quem o possui, já que o som do zumbido não provém de uma fonte externa. O zumbido efetivamente é gerado e mantido pelo cérebro. Esse ruído...

ler mais
Pressão alta pode causar zumbido no ouvido?

Pressão alta pode causar zumbido no ouvido?

Comumente conhecido como chiado e na língua inglesa como tinnitus, o zumbido é um ruído percebido pelo indivíduo e que não está no meio ambiente. Afeta milhões de pessoas no Brasil e no mundo e é caracterizado por um som irritante que pode variar de duração e...

ler mais
Zumbido no ouvido: Quais as causas?

Zumbido no ouvido: Quais as causas?

O zumbido no ouvido é um sintoma em que o paciente percebe um ruído que não tem causa externa, ou seja, é um som interno que na maioria das vezes é ouvido somente pela pessoa que sofre com esse problema. O zumbido pode ser percebido em um ou nos dois ouvidos e ter...

ler mais
Ouvido sensível a ruído: como tratar?

Ouvido sensível a ruído: como tratar?

A intolerância a determinados sons é comum a várias pessoas, porém em muitos casos pode significar algo patológico e que deve ser avaliado e tratado por um profissional. A isso podemos chamar de hipersensibilidade sonora ou hiperacusia, uma condição na qual o paciente...

ler mais
Abrir WhatsApp
Precisa de ajuda?
Olá 👋 Posso ajudar? Se quiser saber mais sobre marcação de Consulta e Exames é só mandar uma mensagem 😉